Designer Zone - Brasil Designer Zone - Inglaterra 

 siga-nos  Faça parte do nosso Ciclo Google + Curta nossa pagina no Facebook Siga nosso perfil no Twitter Nos adicione no Linkedin 
  • banner_site_responsivo
    banner_site_responsivo

Nossos principais serviços!

DESENVOLVIMENTO DE SITE

icone web design

Criação de site (Web Design): Serviços de Criar Site, onde iremos Fazer Sites institucionais, gerenciáveis, Loja Virtual, etc...

saiba mais verde

LOGOTIPO

icone logo branding

Logotipo: Está procurando uma empresa para Criar Logo, trabalhamos com criação de logo e de toda a identidade visual da sua empresa...

saiba mais azul

DESIGN GRÁFICO

icone design grafico

Design Gráfico: Em nossos serviços de design gráfico oferecemos criação de folders, flyers, cartão de visita, entre outros...

saiba mais rosa

iPad será produzido no Brasil, confirma ministro

iPad será produzido no Brasil, confirma ministro

Anúncio aconteceu durante visita de Dilma Rousseff à China e na qual a Foxconn divulgou investimentos de US$ 12 bilhões no País

ipadOs indícios de que a Foxconn tinha iniciado estudos para montar uma nova linha de produção no Brasil, voltada à fabricação de iPads, foram confirmados. Nesta terça-feira (12/4), o ministro da Ciência e Tecnologia, Aloizio Mercadante, informou que os tablets da Apple começarão a ser produzidos no País até o final de novembro de 2011, segundo notícia da Reuters.

O anúncio foi feito durante a viagem da presidenta da República Dilma Rousseff à China e após um encontro com o presidente da Foxconn. Este último também divulgou que prepara investimentos de US$ 12 bilhões no Brasil, com o intuito de produzir telas para equipamentos como tablets e celulares.

Um dos atrativos à produção de tablets no mercado brasileiro é o incentivo fiscal proposto pelo MDIC (Ministério do Desenvolvimento, Indústria e Comércio Exterior). O órgão criou um projeto, ainda não aprovado, que prevê a inclusão desses equipamentos no PPB (Processo Produtivo Básico). Com isso, os equipamentos fabricados no País teriam uma redução significativa de impostos e ficariam até 31% mais baratos do que o importados, segundo análise do Ministério das Comunicações.

Quer conhecer mais sobre nossos serviços? CLIQUE AQUI